quarta-feira, 18 de maio de 2011

Ministro da Justiça entrega Armas não Letais no RJ


O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e a secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, entregaram 315 armas não letais ao governo do Rio de Janeiro para o trabalho nas UPPs. O governador Cabral agradeceu a parceria do Ministério da Justiça e afirmou que as UPPs representam uma "mudança de paradigma" na segurança e são "pontos fundamentais para cidadania". A unidade do morro São Carlos, no Estácio, foi a 17ª UPP inaugurada na capital fluminense.
O Rio de Janeiro é o primeiro estado do país a receber o armamento não letal. O ministro anunciou que mais duas mil armas deste tipo serão entregues em breve. O objetivo é equipar ainda mais os policiais que trabalham nas UPPs cariocas.
A capital fluminense foi escolhida para ser a pioneira no projeto de armamento não letal justamente por conta da experiência de pacificação realizada nas comunidades. "Enviamos essas armas para o Rio de Janeiro porque a polícia aqui trabalha com a intenção de mudar o pensamento de que a polícia deve matar", afirmou Cardozo. "O Rio de Janeiro é um exemplo não só para o Brasil, mas para outros países".
Terceira UPP do complexo do São Carlos, a unidade inaugurada nesta terça-feira vai beneficiar 17 mil moradores dos morros da Mineira, Querosene, Zinco e São Carlos. Segundo o governo do estado, a pacificação deve levar segurança também para aproximadamente 200 mil moradores que vivem no entorno das comunidades.


Com informações do Ministério da Justiça

Nenhum comentário:

Postar um comentário