terça-feira, 3 de maio de 2011

Detran da PB se moderniza com vistoria eletrônica

O Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran - PB) está passando por um processo de modernização que vai proporcionar melhor assistência e agilidade no atendimento ao usuário. No final da tarde desta segunda-feira (2), o governador Ricardo Coutinho lançou o sistema de vistoria eletrônica, que vai reduz em 50% o tempo de espera dos usuários e evitar fraudes no setor. Além disso, ele anunciou a criação do Núcleo de Atendimento às Vítimas de Acidentes de Trânsito, bem como a implantação, em breve, do gerenciamento eletrônico de documentos.
O governador comentou ainda que o Governo do Estado vai implantar a carteira de habilitação social, que vai beneficiar as pessoas de baixa renda, e conceder anistia do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores – IPVA – aos proprietários de motocicletas de até 150 cilindradas.
O superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, informou que estão sendo investidos cerca de R$ 800 mil na implementação do sistema de vistoria eletrônica, que nesse primeiro momento funcionará em João Pessoa e será estendido paulatinamente para o restante do Estado. Segundo ele, a implantação do serviço está sendo possível por conta da economia que o órgão conseguiu fazer ao deixar de emitir os boletos para as residências.
A Paraíba é o segundo Estado a implantar a vistoria eletrônica, que começou a ser feita pelo Detran de Pernambuco na última quinta-feira. Foram adquiridos 74 kits compostos por um laptop e um equipamento de captura de imagens digitais (palm) com uma microcâmera acoplada a um cabo flexível, semelhante aos equipamentos utilizados para endoscopias. O uso do equipamento – uma determinação do Conselho Nacional de Trânsito –  reduz em 50% o tempo de espera dos usuários e evita fraudes no setor de vistoria.
Para garantir a segurança das informações, esse equipamento envia, automaticamente, via rede sem fio (wi-fi) os arquivos registrados, para um local pré-determinado. A câmera captura as imagens de chassis, motores, traseira e placas dos veículos e as fotografias são enviadas para os arquivos do Detran , através de imagens criptografadas. Os arquivos são enviados automaticamente, evitando seu manuseio posterior e proporcionando a segurança das informações. Até então, as vistorias eram realizadas com o sistema conhecido como decalque, que registra o número do chassi no papel através da grafitagem.

Com informações do Governo da Paraíba

Um comentário:

  1. Trabalho na Vistoria em Pernambuco, antes deste sistema não tinha fila em meu setor, agora o tempo passou de alguns minutos para varios minutos gerando muita fila e insatisfação dos usuarios, é um sistema muito moderno, entretando a internet daqui é lenta, e o sistema de controle veiculo ainda é o antigo, temos de digitar tudo pense numa trabalheira, perdemos mais tempo digitando do que observando a autenticidade do veiculo com seus equipamentos obrigatorios, e na hora de salvar as fotos temos de alternar as janelas para conferir as numerações, jáesta acontecendo muitas reclamações por aqui

    ResponderExcluir