terça-feira, 17 de agosto de 2010

Faltou um acordo

Faltou um acordo entre os deputados (governistas e oposicionistas) para votação das MPs (487, 488 e 489/10) e PECs (300/08 e 446/09), de um lado os governistas querendo aprovar as MPs de uma só vez, enquanto que os oposicionistas querendo entrar em um acordo para votar uma MP (487/10), depois  as PECs, e logo em seguida as MPs restantes.
O que restou foi a sessão das 19h30m cancelada e marcada uma sessão ordinária para às 14h da quarta-feira (18), com a mesma pauta de hoje.
Policiais e bombeiros que esperavam pela votação foram impedidos de entrar no plenário, tendo acesso apenas nos anexos, onde ficam as salas das comissões e em forma de protesto por saberem que tinha sido cancelada a sessão, entraram no Salão Verde onde houve um pequeno conflito com os policiais legislativos; ninguém saiu ferido.
Os policiais e bombeiros vão passar a noite de vigília na espera de um desfecho positivo na sessão ordinária de amanhã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário